Post em destaque

Fernando de Noronha gastando pouco

Imagem
Todos sabem que a finalidade deste site é relatar as viagens que nós fazemos de carro. Só que vou abrir o precedente agora. Sempre que viajarmos e tivermos informações úteis pra compartilhar vou colocar por aqui, independentemente do meio escolhido pra isso. Então confira agora o bônus track da nossa viagem ao Nordeste: Fernando de Noronha.

[sancho]

Dia 16 - Por Arequipa/PER

É isso aí!

[01/05] Dia 16 - por Arequipa/PER
Dia de dar uma volta e conhecer a bonita cidade de Arequipa. Situada no sul do Peru e a uma altitude de 2300m, Arequipa é a segunda maior cidade do país, com uma população que beira 1 milhão de habitantes. Considerada um importante centro industrial e comercial, a cidade tem como destaque a produção têxtil de lã. A partir da cidade, é possível avistar os cumes nevados dos vulcões Misti, Chachani e Pichu Pichu, sendo o Misti o mais imponente.



Como iríamos passar somente um dia inteiro por aqui, resolvemos fazer um tour pelo centro da cidade. Há alguns grupos organizados que realizam esse tour gratuitamente. Pegamos o Free Downtown Tour, que estava sendo divulgado no nosso hostel. Os tours têm mais ou menos a mesma característica: reunem-se duas vezes por dia, uma pela manhã e outra à tarde, sendo uma delas guiada em espanhol e a outra em inglês, não necessariamente nessa ordem. Pegamos o tour da manhã, em espanhol. A saída foi por volta das 10h e o ponto de encontro em frente na Plaza de Armas de Arequipa, no Portal de Las Flores. Ao chegarmos lá, havia um grupo de aproximadamente 20 pessoas de diversas nacionalidades. Do Brasil apenas nós três e mais um casal.

Começamos recebendo informações referente aos pontos que circundam a Plaza de Armas e seu contexto histórico. De lá, caminhamos e passamos por outros pontos como a Igreja da Companhia, o Mercado de San Camilo, os bairros El Solar e San Lazaro, o Zoológico de Alpaca, a primeira prisão, o primeiro hotel, e no fim uma parada numa das lojas que patrocinam o evento.

Ao fim do passeio, cada um do grupo é estimulado a contribuir com o serviço dos guias. Vale informar que os guias são alunos e ex-alunos do curso de Turismo da Universidade de Arequipa. Por se tratar de uma cidade histórica, uma passeio guiado é recomendado. Há muitas informações interessantes que são passadas pelo guia, o que facilita o entendimento do que está ao nosso redor.

Meu destaque do passeio vai para o passeio pelos bairros El Solar e San Lazaro. Apesar de parecer um tanto invasivo, já que muitas das habitações possuem apenas cortinas para separar os cômodos, é interessante saber da história envolvendo seus primeiros moradores. As construções também são muito bonitas e realmente nos transportam no tempo.

Já um ponto que considerei desnecessário é o passeio pelo Zoo das Alpacas. Dentro de uma propriedade particular, que também funciona como fábrica de tecidos feitos com a lã dos bichos, eles mantém não só um cercado com uma meia dúzia de Alpaca para explicar a diferença entre elas para o público, mas também, num outro ambiente, uma mulher tecendo. As duas coisas somente para turista ver e tirar foto. Na minha opinião, pareceu bem fora de contexto.

Aquele abrax!

Cabeça

Postagens mais visitadas deste blog

14/06 - 2º dia » de Joanesburgo a Durban (Africa do Sul)