Post em destaque

Fernando de Noronha gastando pouco

Imagem
Todos sabem que a finalidade deste site é relatar as viagens que nós fazemos de carro. Só que vou abrir o precedente agora. Sempre que viajarmos e tivermos informações úteis pra compartilhar vou colocar por aqui, independentemente do meio escolhido pra isso. Então confira agora o bônus track da nossa viagem ao Nordeste: Fernando de Noronha.

[sancho]

29/12 - 11º dia » Minha jangada vai sair pro mar...

Mais um dia na terra das lagoas, novamente de sol, iupi, e delhe calor.

Os aventureiros, para não perder tempo, acordaram às 7:30 para prestigiar uma maravilha criada pela natureza, as piscinas naturais de Pajuçara, situadas no meio do mar. Para essa aventura tivemos a companhia de Aline, amiga de catequese do Cabeça Chimbinha. Para chegar até às piscinas, fomos em um passeio de jangada.

[Singrando o mar rumo às piscinas naturais]


No local muitas pessoas; alguns mergulhando, outros só se divertindo. Chegamos com a água batendo no umbigo de Soraya, a menor da equipe, e saímos com água batendo no pescoço de Galeguinho, um dos maiores da equipe. Passamos 2 horas desfrutando da piscina, foi maravilhoso.


[Curtindo muito nas piscinas naturais]

Retornando a terra firme decidimos almoçar no "Zé Pereira", que segundo a lenda e o garçom aceitava Vale Alimentação Sodex hooooo pass. Comemos uma calderada de camarão e um prato coisa fina de Pitu. Vinham 4 pitus e não eram dos grandes, mas deu pra apreciar. Na hora de acertar a conta uma surpresa, não estava passando sodex! Assim seguimos sem conseguir gastar o vale.

[A Pituzada do Zé Pereira decepcionou os castores]

Após o almoço fomos para a feirinha de artesanato da Pajuçara, e delhe comprar bugigangas. Em seguida fomos para casa nos banhar, depois lavar o chumbeta, que estava virado em lama de PI cidades em seu exterior, e no interior com um cheirinho de novidade. Todos lavados, cheirosos e brilhando seguimos para casa de Tia Ana e nos encontramos com uma amiga de crisma de Cabeça Chimbinha, a menina Adriana, que ao ver o Cabeça depois de tanto tempo, não disse nem oi, foi logo perguntando se o garoto esqueceu de passar protetor no coco... o menino tá que parece um palito de fosforo. Em seguida o guri levou uma bronca de sua madrinha Ana, por não ter utilizado protetor solar.

Tia Ana, como de costume, sempre enchendo nosso estômago, preparou um delicioso strogonoff de frango (sim, uma vez comemos algo que não fosse frutos do mar, se bem que diz a lenda que em Alagoas os frangos são criados na praia).

[Queridíssima tia Ana]

Comemos, proseamos, devolvemos Adriana para sua casa e decidimos, para fechar a noite, tomar um sorvete na Bali, conhecida por ser uma das melhores sorveterias da cidade, premiada inclusive pela revista Veja. Realmente o sorvete é bom, possui mais de 70 sabores, inclusive Vinho do porto, Tamarindo e Chocolate diversos.

Fechando a noite com chave de ouro, rumamos para casa, por volta de 23:30, para dormir cedo e aproveitar bem o dia seguinte.
  •  Confira as fotos na íntegra aqui

Postagens mais visitadas deste blog

14/06 - 2º dia » de Joanesburgo a Durban (Africa do Sul)